Teve seu cartão clonado? Veja o que fazer.

Com o aumento cada vez maior do uso de cartões de credito, a pratica de cloná-los é cada vez mais comum, um simples descuido ao abastecer em um posto diferente da sua rotina pode causar esse incomodo que pode levar semanas ou até meses para resolver.

Publicidade

Existem varias maneiras de cair nesse golpe que se torna cada vez mais comum principalmente no Brasil, pode ser por meio das famosas “chupa cabras” que são peças instaladas nas maquininhas de cartões e caixas eletrônicos que capturam seus dados quando você passa o cartão, ou com micro câmeras instaladas nos caixas eletrônicos e lojas para roubar os números do seu cartão e utilizar futuramente em compras online, e essas são só algumas das técnicas utilizadas pelas quadrilhas de hoje.

Por esses motivos é cada vez mais comum, cartões terem aplicativos de acompanhando, que mandam notificações sempre que ele for utilizado, dando ao cliente a chance de bloquear ele remotamente na hora da compra evitando assim que a quadrilha estoure seu limite e você só fique sabendo que teve seu cartão clonado no final do mês quando a fatura chegar.

Digamos que você sofreu esse “pequeno” inconveniente e teve seu cartão clonado, como você deve proceder.

Tive meu cartão clonado, Oque fazer?

Dois Cartões e o texto Cartão Clonado

Primeiro passo e creio que o obvio é bloquear o cartão no exato momento que você descobrir que foi clonado. Cartões de fintechs (como Nubank e Digio), ja tem em seu aplicativo uma função que efetua o bloqueio na hora, basta você entrar no app e solicitar o bloqueio.

Caso estejamos falando de outros cartões, cabe você a ligar na operadora do seu cartão (normalmente tem o 0800 no verso do cartão) e solicitar o bloqueio. Lembre-se de sempre anotar o protocolo de atendimento, pois ele pode ser solicitado na hora de fazer o BO. Que é nosso próximo paço.

Registrar um Boletim de Ocorrência

Não pense que “não vai resolver”, “não vai adiantar nada”, fazer o B.O. é muito importante para dar vericidade ao acontecimento e também para facilitar na hora de reaver o dinheiro que lhe foi furtado.

Tente colocar o máximo de informações possíveis sobre os ocorridos no últimos dias com seu cartão, aonde você usou, se ele foi perdido, se durante algum uso ele apresentou alguma falha, e também é claro a fatura e informe todas as compras que estão na fatura que você não reconhece como suas, isso é muito importante para receber seu dinheiro de volta.

E meu dinheiro eu vou receber de volta?

Sim, em 99% dos casos, com um simples telefonema a emissora do cartão, e explicando que teve seu cartão clonado, eles já conseguem te estornar o valor e te enviar um novo cartão, porem é muito importante ter em mãos todos os seus documentos pessoais, o boletim de ocorrência e os documentos de quem é o cartão (caso seja de algum familiar).

Lembre-se de anotar o protocolo do atendimento para caso ocorra algum problema na hora de reavir seu credito você esteja resguardado.

Se o banco/emissora não resolver fico no prejuízo?

Caso ocorra algum problema com o banco que emite seu cartão, você ainda pode solicitar seus direitos diretamente junto ao Procon e ao Banco Central,  leve todos os documentos do titular do cartão, junto com a fatura e o Boletim de Ocorrência para o Procon da sua cidade, que seu problema vai ser resolvido em até 7 dias uteis. É no Procon não tem brincadeira rsrsrs.

 

Bom pessoal, eu não aconselho isso para ninguém, pois só que já passou por essa dor de cabeça sabe como é ruim, ir utilizar seu cartão e notar que seu cartão esta sem limite porque outra pessoa usou.

Por isso nos aqui da Convite Digio, sempre aconselhamos o uso de cartões que possuem aplicativos de acompanhamento para poder evitar de ter uma surpresa na hora de utilizar.

 

 

Publicidade

No Responses - Add Comment

Reply

Deixe uma resposta